Início » MTB News » NOVA STUMPJUMPER: A MELHOR BIKE DE TRILHA

PARCEIRO/CONTEÚDO EXCLUSIVO

Banner Premium para Anunciantes/Ocasiões Especiais

Banner premium destinado a anunciantes/ocasiões especiais.

Recomendável utilizar formato simples e responsivo.

Posicionado em todas as páginas do site.

0 comentário(s)

23 de outubro de 2020

Gabriel

Encontre o seu ‘Flow’ na família de Bike de Trilhas Definitiva dedicada para a diversão instantânea!

 

Seja bem-vindo à era dourada do Mountain Bike!! A Specialized Bicycles Components apresenta aos Ciclistas a nova família Stumpjumper! Depois dos recentes lançamentos icônicos e, literalmente, vitoriosos na bagagem – Aethos, Tarmac SL 7, Nova Epic... Chegou a bike para liberar o potencial completo de todo o espectro do pedalar nas trilhas, conheça as duas irmãs Stumpjumper: Stumpjumper e Stumpjumper EVO

Nos últimos 40 anos, desde que apresentamos a Stumpjumper (em 1981), pedalamos com todos os tipos de ciclistas em trilhas ao redor de todo o mundo em todo terreno imaginável, e aprendemos que pedalar em trilhas pode significar muitas coisas diferentes para muitas pessoas diferentes. 

Alguns de nós encontramos nosso nirvana rasgando incontáveis linhas em single tracks em meio à natureza, envolvidos por uma névoa de endorfina. Esse é o habitat natural da Stumpjumper. Para aqueles que desejam por obstáculos maiores e terrenos mais desafiadores, criamos a Stumpjumper EVO.

ENCONTRE O SEU FLOW 

Bicicletas de trilha com baixo curso de amortecimento conquistaram amplamente o mercado com seu baixo peso e performance perante as subidas, mas sempre deixam a desejar quando o assunto é performance da suspensão e capacidade de enfrentar trilhas com grandes obstáculos. A nova Stumpjumper destrói este antigo script – nunca fizemos uma bike tão versátil para trilhas como essa, tão leve, eficiente e capaz! A nova Stumpjumper trás ao seu pedalar uma qualidade de pilotagem mágica, telepática, de tapete voador. Ela é super estável, grudada no plantada ao solo, ao mesmo tempo que é leve e ágil.

Tudo isso para fazer da Stumpjumper a melhor bicicleta para você encontrar seu flow nos single tracks, combinados ao DNA de eficiência e baixo peso da Epic EVO ao o padrão de dirigibilidade e pilotagem da Stumpjumper EVO. O resultado é uma bicicleta de com performance muito bem balanceada, que sobe, escala e acelera como se tivesse motor, desce com convicção e flui em qualquer condição de trilha, a todo vapor. Simplesmente, desfrute e aproveite.

 

DIVERSÃO INSTANTÂNEA COM A STUMPJUMPER EVO

A EVO é seu abrigo seguro em meio ao furacão, entregando controle sem precedente, capacidade e ajustabilidade unida a excepcional capacidade de escalada. Isso é bom pois quando as coisas começarem a voar, você estará zen em meio à desordem.

 

 

A ESPINHA DORSAL DO PEDAL

O quadro é a espinha dorsal da bicicleta, é a origem do controle e eficiência, a peça central de todo nosso foco para se atingir tanto ganho em leveza. Pronta para montagem, com todos os acompanhamentos e detalhes*, um quadro Stumpjumper no tamanho S-4 pesa apenas 2,240 gramas, super leve! 100 gramas mais leve que o quadro da Stumpjumper anterior.

Para chegar a este peso – enquanto aprimorando características de pilotagem, eficiência ao pedalar e robustez – o time de desenvolvimento teve de tentar de tudo. O processo se iniciou com a forma do quadro, prosseguiu com a seleção do material composto e terminou com milhares de repetições e testes para otimizar a laminação do carbono.

*Peso Incluindo pintura, amortecedor traseiro, toda estrutura de montagem, link da suspensão, extensão de carbono, protetores moldados dos tubos inferior e da corrente, eixo e abraçadeira de selim.

 

 

SEM CARBONO SOBRANDO

O formato de um quadro composto determina em vasta maioria o seu peso, rigidez e durabilidade. Após realizar incontáveis cálculos com o método Finite Element Analysis, nossos engenheiros otimizaram as dimensões e raio das conexões entre os tubos do quadro da Stumpjumper, eliminando material a mais que poderia ‘se esconder’ em cantos não otimizados, assim garantindo que cada fibra está entregando a maior força e rigidez que possível.

Pequenos ajustes no formato fazem grandes diferenças no comportamento do material. Um grande exemplo disso é o suporte do amortecedor traseiro no tubo superior. Manter o tubo superior “intacto“ (ao invés de fixar e dobrar formas para envolver e segurar o amortecedor, como na Stumpjumper anterior) é estruturalmente mais adequado e funciona melhor sob pressão de cargas. As seções planas do suporte do amortecedor, por sua vez, carregam estas cargas mais eficientemente que suportes curvos, como os da Stump anterior. Juntos, o tubo superior e suporte do amortecedor formam um conjunto mais leve e rígido que o de sua predecessora, sem sacrificar durabilidade.

Outro exemplo de como a forma otimiza o uso do material, é o desenho do braço lateral. A estrutura assimétrica do braço lateral que suporta o link do pivô do amortecedor aumenta a rigidez conectando a frente à traseira do quando gerando uma sensação de integração. O braço lateral também previne cargas torcionais de chegarem ao tubo superior, o que ajuda a manter a precisão na dirigibilidade na trilha.

 

 

MATERIAL 

Há uma miríade de materiais compostos a nossa disposição para utilizarmos no desenvolvimento de um quadro, cada um varia em resistência, rigidez e atributos de robustez. Selecionando o melhor material ótimo para cada ponto específico do quadro, alcançamos a performance focada no Ciclista com a menor quantidade de material possível. Durante o processo de desenvolvimento do quadro ficou claro que deveríamos utilizar o carbono mais resistente e especial que já utilizamos em quadros de bicicletas.

 

LAMINAÇÃO DO CARBONO

Uma vez que a forma do quadro foi finalizada e a seleção do material feita, o refinamento da organização
da laminação foi feito em testes com protótipos em laboratório e em trilha. Este processo proporcionou informações qualitativas e quantitativas que iluminaram nossas ideias sobre como fazer melhorias na laminação. Revisamos a sobreposição das camadas, construímos um novo protótipo, e testamos novamente, e novamente, e novamente. A resolução dos testes matemáticos computadorizados foi contínua durante 203 dias para a produção da Stumpjumper, culminando em nosso objetivo de criação da bicicleta de trilha com 130 mm traseiros (140mm na dianteira) de curso mais leve, de melhor pilotagem e mais eficiente que já criamos. Acredite em nós quando dizemos que não há material sobrando no quadro da Stump.

 

SWAT

Tudo acontece nas trilhas. Furos, aterrissagens quadradas, chuva, etc. Pergunte ao Murphy, ele que escreveu a lei. Felizmente, o compartimento SWAT carregará tudo que for necessário para que você chegue a todos os lugares. Mesmo com uma grande capacidade de carga no compartimento do tubo inferior, nossos engenheiros se atentaram quanto à distribuição de tudo que ela pode carregar, posicionando tudo próximo à abertura do compartimento de carga. Lembre-se, que este compartimento em nada afeta a rigidez requerida para uma direção telepática na trilha, assegurando elevada resistência aliada a leveza sem precedentes.

 

 

CICLISTA EM PRIMEIRO PLANO

O processo Rider First Engineered entrega o equilíbrio ótimo entre rigidez aprimorada, peso e qualidade de pilotagem em todos os seis tamanhos, assegurando que todos os ciclistas sintam as mesmas características da melhor pilotagem na trilha independente de seu tamanho. Alcançamos este patamar após extensiva aquisição de dados sobre as forças que atuam em todas as partes possíveis do quadro, em todos os tamanhos, e então validamos os números sujeitando os quadros a incontáveis horas de pilotagem bem agressiva.

 

 

O LINK QUE DESAPARECEU

O ponto de pivô horst localizado na rabeira inferior da maior parte de nossas bikes full de montanha (adiantado e abaixo do eixo da roda traseira) reflete tudo que aprendemos sobre a construção de bicicletas leves de suspensão total para trilhas (o que fazemos desde 1993). Um olhar de perto à área da gancheira traseira revela que na nova Stumpjumper, ali não há um pivô mecânico. A aplicação de conhecimento em laminação de carbono possibilitou reduzir 55 gramas em toda a rabeira, melhorar a rigidez lateral do quadro, reduzir manutenção e unir com precisão a cinemática do quadro com o funcionamento da suspensão. Em resumo, é a bike mais leve e eficiente, com a melhor solução para o controle da suspensão para uma bicicleta de curso médio que já fizemos.

 

GEOMETRIA: CAPACIDADE E ESTABILIDADE

A geometria da nova Stumpjumper possibilita um nível de controle e eficiência nunca encontrado em uma bicicleta de trilha de curso médio. Como? O generoso centro de comando oferece o espaço necessário – centrando seu peso na bicicleta e melhorando a tração e controle em curvas. O movimento central baixo, ângulo aberto da caixa de direção e deslocamento / avanço do garfo reduzidos mantém a pilotagem estável em terrenos difíceis, exigentes. O tubo do selim mais inclinado otimiza o despejo de potência e equilíbrio em subidas. A traseira curta mantém a bike ágil.

Para afiar a dirigibilidade ao seu estilo de pilotagem em variados terrenos, apenas gire o FlipChip no olho da suspensão traseira e altere em 7mm a altura do movimento central, além do ângulo da caixa de direção em um grau e meio.

SEIS TAMANHOS DE BIKE NO ‘S-SIZING’ 

S-Sizing é baseado no que importa; tamanho do ciclista e estilo de pilotagem. Seis tamanhos, todos com comprimento do mas que mantém comprimentos similares do tubo superior (headtube) e altura do tubo superior em relação ao solo, para permitir que os pilotos escolham o tamanho que melhor se encaixa em seu estilo de pilotagem. Tamanhos menores são mais ágeis, graças a sua medida menor do centro à frente assim como menor avanço enquanto tamanhos maiores são mais estáveis e cômodos.

 

ENCONTRE SEU TAMANHO NO S-SIZING:

Determinar seu S-Sizing é fácil. Se você já pedalou um tamanho médio anteriormente, S-3 será o tamanho equivalente. Mas se você deseja uma pilotagem mais ágil, deve optar por um S-2. Deseja uma bicicleta mais estável em grades velocidades? Salte para S-4. A seguir há exemplos de três ciclistas, todos com 5’8’’ (1,73m), que escolhem três tamanhos diferentes entre si.

 

PERFORMANCE PARA AS PESSOAS

Criar a melhor bicicleta de trilha utilizando materiais caros e processos comumente reservados à exploração espacial foi duro o suficiente; trazer performance sem precedentes para a maior quantidade possível de ciclistas foi ainda mais duro, e foi exatamente o que fizemos com o novo alumínio da Stumpjumper, entregando a mesma geometria – excelente – suspensão Rx Tuned, qualidade de pedalada e S-Sizing como das irmãs Stump de carbono, porém com um preço muito mais alcançável.

 

Ajustabilidade sem precedentes: Ao ser tirada da caixa, a Stumpjumper EVO já possui a geometria mais capaz do planeta. Com ajustabilidade de outro nível, possui seis configurações distintas de geometria. A EVO pode ser configurada para encaixar perfeitamente em qualquer estilo de pilotagem, em qualquer terreno.

Suspensão EVO: sensível em pequenos obstáculos do terreno, sem fim de curso e macia em descidas cascudas, e com a habilidade de devorar os percursos mais duros, a EVO, com curso de 160mm de suspensão na dianteira e 150mm na traseira, se mantém ultra responsiva nos pedais e entrega uma grande capacidade de escalada. Com uma cinemática emprestada da Enduro e um amortecedor com o melhor da nossa tecnologia RX Tune, a suspensão da EVO faz exatamente o que deve, assim os pilotos podem fazer exatamente o que querem: voar nas trilhas!

 

Mullet Link: Com o Mullet Link, os pilotos podem experimentar toda a magia da geometria da nova EVO com a responsividade vivaz de rodas traseiras 27.5 e espaço suficiente para se posicionar atrás do selim, quando for o momento de despencar em trilhas íngremes.
SWAT e Mais: Na nova EVO o SWAT tem 15% mais espaço – suficiente para armazenar 650 ml de líquido em uma bolsa de hidratação – além de uma pintura deslumbrante inspirada nas montanhas pelas quais pedalamos. Além disso, a tecnologia Rider-First-Engineering garante que cada ciclista experimente toda a engenharia de cada tamanho desta bicicleta. A diversão instantânea é padrão em todos os quadros.

Insira o seu endereço de email abaixo para receber conteúdo GRATUITO e EXCLUSIVO do nosso blog!

Fique tranquilo, seu e-mail está completamente SEGURO conosco!

Últimas Publicações
Redes Sociais
Categorias

CHRISTIAN DRUMOND

Cardiologista, Pós graduado em Medicina do Esporte, Coach, Ciclista “Old School”, Apaixonado por MTB, e Fundador do Segredos do Mountain Bike.

Segredos do Mountain Bike · 2020 © Todos os direitos reservados