Hidratação no MTB

A água não possui calorias, e também não oferece vitaminas, mas como sabemos, ela é super importante para a hidratação e qualquer função do corpo humano .

Quando pedalamos, os músculos trabalham o tempo todo; e quando fazemos treinos mais fortes, a temperatura dos músculos aumenta muito mais do que ele está acostumado quando está em repouso.

Conforme vai aumentando a força/potência, o músculo vai esquentando e por isso é preciso tomar água: para refrigerá-lo!

Beber água adequadamente não serve somente para resfriar o músculo, mas também para não dar cãibras, não dar fadiga antes da hora e conseguir terminar o pedal bem.

Não espere sentir sede!

Claro que o organismo de cada um é específico para cada um! Mas não espere sentir sede para tomar água.

Sem fazer nenhuma atividade, nosso corpo perde cerca de 50 mL de água. Em treinos leves, podemos perder cerca de dez vezes mais e em treinos mais pesados, até 26 vezes mais.

Por isso a água é fundamental. A recomendação é de 500 a 700 mL de água por hora pedalada. É muita coisa? Pode até parecer que sim, mas você está perdendo muito líquido e precisa ser reposto.

Não pode deixar desidratar. Os repositores hidroeletrolíticos (isotônicos) também são bastante importante para repor a água e eletrólitos geralmente perdidos com o suor.

A escolha de alimentos com bastante água também deve ser levada em consideração. Os vegetais e as frutas contêm bastante água. Melancia, laranja, mexerica, melão e maçã são frutas com maior abundância de água. Dentre os vegetais, o repolho, beterraba, alface, couve e brócolis também possuem grande quantidade de água.

Desidratação

A desidratação causa um esforço maior no coração, pulmões e sistema circulatório, forçando o coração a trabalhar com mais força para bombear o sangue para o corpo.

Muitas vezes só percebemos que estamos desidratados quando os sintomas começam a aparecer. Se isso acontecer, seu pedal pode ficar bem complicado. Alguns sintomas de desidratação são:

  • Cãibra

  • Fome excessiva

  • Letargia

  • Dores de cabeça

  • Náuseas

  • Urina escura

  • Tontura.

Não deixe que isso aconteça. Beba água!

 

Por: Amanda Piovesan